CORDAS

CORDAS

16-25 SET 2022: Mais de 20 concertos no concelho da Madalena do Pico

REVISTA/PROGRAMA

Cordas World Music Festival é o festival de artes mais galardoado dos Açores, e um dos festivais mais singulares no mundo pela sua localidade, a ilha do Pico, mas também pelo foco dos seus artistas se dedicarem à arte dos cordofones, assim, apresentando várias culturas através de instrumentos de cordas.
A MiratecArts, entidade organizadora do Festival Cordas, investe na diversidade do ser humano participante, ideais e histórias que têm para contar através da sua música. Os palcos que acolhem os músicos de vários cantos de Portugal, e outros países, incluem a paisagem idílica da ilha no Jardim da Saudade e Palco LUX na MiratecArts Galeria Costa, uma propriedade de 2,6 hectares dedicado à arte na natureza; o Santuário dos Dragoeiros no Museu do Vinho do Pico; a Gruta das Torres, o maior tubo lávico de Portugal; lagoas, piscinas naturais, campos de lava e ainda o Auditório da Madalena, um dos maiores palcos da região. Eventos paralelos incluem visitas a escolas, lançamentos de álbuns, residências para nova criação musical e conferência na temática dos cordofones.
04-08-2022

 

John Goulart abre Festival Cordas

Guitarrista Luso Canadiano, John Goulart, abre o Festival Cordas na Madalena do Pico

A edição de 2022 acontece de 16 a 25 de setembro pelo concelho da Madalena do Pico, e cabe ao guitarrista Luso Canadiano, John Goulart, as honras do concerto de abertura no Auditório da Madalena.

John Goulart tem a reputação de ser um dos melhores guitarristas do Canadá. Ganhou destaque há 30 anos, depois de vencer o primeiro prémio no inaugural Great Lakes International Guitar Competition, e ainda finalista e premiado nos concursos Guitar Canada e Guitar Foundation of America. Desde então, seus concertos e gravações continuam recebendo elogios da crítica, do público e de outros músicos dos quatro cantos do mundo. John é o fundador e diretor musical do Bow Valley Chorus em Banff, no Canadá, e descendente de famílias da ilha montanha.
11-08-2022

 

2022: setembro 16 a 25

Sara Cruz lidera projeto de cantautoras para o Festival Cordas

Sara Cruz apresentou-se, pela primeira vez, no Festival Cordas, na ilha do Pico, e já planeia voltar na próxima edição.
Com momentos musicais entre os dragoeiros no Museu do Vinho e ainda no Auditório da Madalena, a cantautora, considerada pela NiT como "maior jovem talento de Portugal" é a primeira música açoriana confirmada para a próxima edição do Festival Cordas.

"Participar no Cordas foi muito mais do que ir tocar ao Pico'', admite Sara Cruz. "Para além de ter tido uma ilha lindíssima como palco, num dia de sol, com o Faial a olhar para mim enquanto cantava, foi uma oportunidade maravilhosa para poder conviver com outros artistas açorianos que muito admiro e respeito. Dias muito bem passados, muita partilha e muita música."

No palco do Auditório da Madalena, Terry Costa, fundador do Cordas e diretor artístico da MiratecArts, entidade promotora do festival, desafiou a jovem compositora e guitarrista açoriana, para trabalhar e desenvolver, em conjunto, um novo programa para a próxima edição do Festival Cordas: Cantautoras com Cordas, ao qual, em modo de brincadeira, Sara Cruz aceitou o desafio dizendo que "só aceito por me perguntares em frente de uma sala destas, cheia de gente que adora música."

Aos 8 anos de idade, Sara Cruz agarrou na guitarra e fez dela a sua companheira. Licenciou-se em Comunicação Social e Cultura, na Universidade dos Açores, e atualmente dedica-se totalmente à música. Seu primeiro EP, Above Our Heads, estreou em 2018. Em 2019 recebeu o título de "Novo Talento Fnac" e foi vencedora do concurso "New Talent Nit". Participou no Yamanha Music Europe "House of Talents", em Barcelona, o qual virou documentário, já disponível online. Em 2021, participou pela primeira vez no Cordas World Music Festival e aguardamos o seu retorno à ilha montanha.

Este ano, o Festival Cordas estreou o programa Juventude Açoriana com Cordas, que viu 6 jovens subirem um dos maiores palcos da região, e contou ainda com o programa Imigração com Cordas. Assim, no próximo ano, pretende-se adicionar o programa Cantautoras com Cordas, dedicado a mulheres portuguesas, que durante uma semana, em residência na ilha do Pico, vão partilhar os seus trabalhos, compor e construir um espetáculo único no Festival Cordas, que tem datas marcadas para 16 a 25 de setembro 2022. www.festivalcordas.com
29_09_21

 

ARTISTS HISTORY

Pico island in the middle of the Atlantic Ocean welcomes string-music instruments and artists from around the world in venues that range from a garden, a cave, a vulcanic crater, natural pools, dragon-tree sanctuary, centre square stage and the new contemporary auditorium in the town of Madalena. Artist proposals are welcome, from solo, duos, trios and bands that are 100% string instruments and one-person band that includes a unique string instrument. info@mirateca.com

Artists that have been at Cordas...

INTERNATIONAL: Brazil: Afonso Villasanti, Baiano Caxixi, Bruno Sanches, Carol Carneiro, Carolina Umbelino, Laís de Assis, Maninho, Naldinho Freire, Vinicius Muniz, Wellington Nascimento, Yamandu Costa; Canada: Marina Thibeault, Remigio Pereira; Canary Islands: Germán López, Marco del Castillo, Beselch Rodriguez; Cape Verde: Tcheka; China: Lu Yanan; Spain: Marcos Fernandez; Finland: Duo Emilia Lajunen & Suvi Oskala, Maija Kauhanen, Pekko Kappi, Teho. Esko Jarvela, Tero Hyvaluoma; Germany: Anjos Teixeira; Guine: Braima Galissá; Italy: Luca Ciarla; Israel: Eran Zamir; Mozambique: Michel William; Netherlands: Pieter Adriaans, Ewout Adriaans; UK: Andrew Cronshaw; USA: Sonny Santos;

PORTUGAL: Amadeu Magalhães, Carlos Leitão, José Valente, Marta Pereira da Costa, Paulo Paz, Ricardo Mendes, Rogério Cardoso Pires, Sara Miguel, Vasco Ribeiro Casais;

AZORES: Ana Medeiros, André Azevedo, Associação de Juventude Viola da Terra, Associação dos Músicos da Ilha Branca, Bruno Bettencourt, Bruno da Rosa, Carolina Constância, Casa da Música da Candelária, César Carvalho, Duo Canarinho, Duo Cordibus, Evandro Menezes, Faial Trio, Grupo de Cordas Ilha Negra, Grupo de Tocadores de Viola da Terra de São Jorge, Half Step Down, Inês Melo, João da Ilha, José Canarinho, José Fontes, José João Mendonça, José Sousa, Laurindo Cardoso, Luís Alberto Bettencourt, Maria Costa, Mariana Cabral, Matilde Costa, Mónica Goulart, Orquestra de Violas da Terra Terceirenses, Rafael Carvalho, Ricardo Melo, Renato Bettencourt, Romeu Bairos, Ruben Bettencourt, Sara Cruz, Sofia Vidal, Tocadores de Viola da Terra no Pico, Tony Silveira, Trio Canarinho, Trio Graciosa, Trio ORIGENS, Victor Castro, Wilson Medina;
Luthier: Raimundo Leonardes (São Jorge, Açores);

other artists: Andreia Sousa (4X2m painting; bus-shelter mural; exhibitions; workshops); Carolina Cordeiro (writer - São Miguel); Cristiano Oliveira (documentary, Brazil); Fátima Madruga (painting exhibition - Pico); Martim Cymbron (poster painting 2020); Olaria Projetos (exhibition - Brazil); Raquel Vila Arisa (ilustrator - Catalonia), Tiago Ribeiro (filmmaker - Portugal);

 
Festival Cordas é um dos festivais mais singulares no mundo pela sua localidade, a ilha do Pico, mas também pelo foco dos seus artistas a se dedicarem à arte dos cordofones, assim, apresentando várias culturas através de instrumentos de cordas.

A MiratecArts, entidade organizadora do festival, investe na diversidade do ser humano participante, ideais e histórias que têm para contar através da sua música, assim como também tem o cuidado em implementar ferramentas para melhorar a pegada ambiental. Os palcos que acolhem os músicos de vários países incluem exterior, na paisagem idílica da ilha: o Jardim Saudade, Palco LUX e Palco das Cabaças na MiratecArts Galeria Costa, uma propriedade de mais de 24 mil metros quadrados dedicado à arte na natureza; o Santuário dos Dragoeiros no Museu do Vinho; a Gruta das Torres, o maior tubo lávico de Portugal; lagoas, piscinas naturais, campos de lava, a cratera do vulcão e a montanha mais alta de Portugal. Os palcos no interior incluem o Auditório da Madalena, adjacente à maior biblioteca da ilha e o Auditório do Museu dos Baleeiros que nos dá a sensação de estar no interior de um barco emborcado.

Propostas bem vindas de projetos 100% com instrumentos de corda ou banda solo onde no mínimo um instrumento de cordas único está a ser destacado. info@mirateca.com

 

Festival Cordas faz história com encontro de violas no feminino

"A Viola e a Mulher" é o programa que a MiratecArts, em parceria com a Associação de Juventude Viola da Terra, apresenta como abertura da quinta edição do Festival Cordas. 

Maria Costa é a mais nova tocadora, com apenas 15 anos, e apresenta-se na ilha Graciosa. Matilde Costa já toca Viola da Terra há 5 anos, em Santa Maria. Mariana Cabral ocupa-se a tocar a viola em vários grupos de folclore e ainda nos bailinhos da Terceira. A Sofia Vidal já está com a viola há 10 anos e além de aulas toca também no rancho folclórico de Santa Cecília, em São Miguel. Monica Goulart começou com o violão ns ranchos do Pico, e só em adulta é que pegou na Viola dos Dois Corações. Cinco mulheres, de cinco ilhas dos Açores, online, apresentam, assim, o primeiro encontro de violas no feminino.

"Foi muito importante trabalhar com estas 5 tocadoras de viola da terra, mesmo que à distância" expressa o músico e professor RafaelCarvalho. "Estivemos a preparar algo único e que acontecerá pela primeira vez na história da nossa viola. Cada tocadora escolheu uma moda que bem representa a sua ilha, a sua tradição e o seu percurso. Quando tocam todas em conjunto, todo o esforço pessoal valeu, sem dúvida, a pena."

Assim, a estreia deste trabalho será a abertura oficial da quinta edição do Festival Cordas, na segunda-feira 14 de setembro, pelas 18h Açores, na página de facebook da MiratecArts. O Cordas World Music Festival acontece de 14 a 20 de setembro com estreias diárias pelas 18h e 21h e ainda a solo, algumas surpresas irão preencher todo o fim de semana de programação.
08/2020
 

Celebrando o Festival Cordas

A Viola Partida

Era uma vez uma viola relativamente nova, mas com ar de quem já viveu muito. Nasceu das mãos de um pintor, artista com dotes de carpinteiro, que deu voz às suas madeiras, já lá vão uns 20 anos.

Pobre coitada, em viagem de avião ficou entalada entre malas e cedeu na força que tinha. O braço rachado valeu-lhe a exclusão e ficou ali esquecida, muda, sem direito a expressar-se.

Então houve um festival, onde o bilhete de entrada era uma viola, destas da nossa terra. Entusiasmado em participar no desfile desgarrado, comecei a namorar a tal viola que quase tinha ido fora. O tempo urgia, mas com a ajuda de um tio e de um pai, lá consegui fazer cantar de novo a viola de três corações. Nunca lhe tinha ouvido a voz e agora orgulho-me de lhe ter dado uma segunda oportunidade.

Violas esquecidas da nossa terra, venham para a rua! Mostrem aquilo que podem dar a todos nós!
-Filipe Gomes, Tocador de Viola Improvisada"

 

2022 PICO-AÇORES

A próxima edição do Festival Cordas acontece de 16 a 25 de setembro 2022 na Madalena, Pico. The seventh edition of Cordas World Music Festival is being planned for september 16 to 25, 2022 on the town of Madalena, Pico island. REVISTA/PROGRAMA

Segue-nos no facebook para todos os updates; Join us on facebook for all festival updates.

PROPOSTAS DE ARTISTAS BEM VINDAS PARA FUTURAS EDIÇÕES /ARTIST PROPOSALS NOW WELCOMED
2023 CORDAS FESTIVAL: 1-7 OUTUBRO/OCTOBER, Madalena-Pico (Açores)

Cordas World Music Festival é um festival único e muito específico aceitando propostas de solo "one-person band" que destaque instrumento de corda ou bandas com 100% instrumentos de cordas dedilhadas e friccionadas.

ARTIST PROPOSALS WELCOME VIA EMAIL - must be 100% string instruments on stage, or one-person band presenting unique string instrument, with original / traditional / classical repertoire; international artists must have published/produced music available

VIDEO SPOT


info@mirateca.com
Terry Costa, Diretor Artístico

organização

MiratecArts

parceiros

Direção Regional da Cultura (Governo dos Açores) e várias entidades regionais:

Associação de Juventude Violas da Terra

facebook

Casa da Música da Candelária

facebook

Sons do Terreiro Associação Cultural

facebook

Grupo de Tocadores de Viola da Terra de São Jorge

facebook

Associação dos Músicos da Ilha Branca

Associação dos Músicos da Ilha Branca

Raimundo Leonardes Luthier

RL Luthier

Música Portuguesa A Gostar Dela Própria

facebook

HISTÓRIA 2016

2016 PROGRAMA
2016 FOTOS por José Feliciano
2016 FOTOS por voluntários

2017

2017 REVISTA PROGRAMA
VIDEO por Mar Navarro José Feliciano
2017 FOTOS por José Feliciano
CORDAS 2017 mais fotos por vários

2020

REVISTA * MAGAZINE 100% ONLINE

PRÉMIOS / AWARDS

Transglobal World Music Chart Festival Awards 2018 para / for Cordas World Music Festival:
#2 Best Newcomer Festival Award
#2 Best Small/Medium Festival Award
Global TOP 10 Festivals:
1. (In a tie): Jeonju Int’l Sori Festival & WOMADelaide
3. World Music Festival Bratislava
4. Fira Mediterrània de Manresa
5. Ethno Port Poznań
6. Urkult
7. Cordas World Music Festival
8. Rainforest World Music Festival
9. Førdefestivalen
10. Lowell Folk Festival

Aside from highlighting the value of the winners in the categories, the organization praises several festivals beyond the concerts program, including: Cordas World Music Festival, an authentic challenge by reason of its location, that provides thrilling experiences added to the music relish.

PRÉMIOS / AWARDS

Cordas World Music Festival TOP 10 BEST NEW FESTIVAL (Iberian Festival Awards 2017) and nominated for a BEST SMALL FESTIVAL, BEST LINE-UP, BEST CULTURAL PROGRAMME and BEST TOURISTIC PROMOTION (Iberian Festival Awards 2018).
This site's design is only visible in a graphical browser that supports web standards,
but its content is accessible to any browser or Internet device.